Gabriel Monteiro foi resgatar SGT Sansão após surto psicótico

8 de setembro de 2022 Off Por Portal do Gida

Polêmico devido a suas falas nas redes sociais, o Sargento Sansão falou sobre a perspectiva psicológica que enfrenta, além do surto que sofreu, onde recebeu auxílio de Gabriel Monteiro. Ao podcast Portal do Gida, ele falou que recebeu um relatório do Tenente Ceoldo, que afirmava que ele possuía diversos problemas psiquiátricos.

Posteriormente, ele mencionou que, após a situação envolvendo os policiais mineiros, ele deveria ter recebido cuidados médicos, e não enfrentando uma ação truculenta que o algemou e o destratou fisicamente e psicologicamente. Para ele, o relatório desconsiderava as situações que sofreu.

Dessa forma, Sansão falou que, durante o trajeto ele não recebeu os cuidados adequados, e foi levado para sua casa, invés de um hospital. Segundo ele, durante o trajeto, ele ficou apreensivo, pois acreditava que poderia ser vítima de algum ataque, ou até mesmo sofrer um homicídio.

Posteriormente, ele afirmou que a sua arma foi coletada, além do seu colete. Por isso, ele ficou apreensivo e com diversos pensamentos agressivos, pensando em danificar a viatura onde estava, e ainda pegar um dos fuzis que estavam disponíveis no carro.

Sargento Sansão acredita que poderia não ter surtado

Durante a situação de estresse que ocorreu com a polícia mineira, Sansão acredita que a instituição deveria ter o tratado de forma melhor, o auxiliando psicologicamente e o levando até um hospital, para tratamento hospitalar e ambulatorial. 

Entretanto, ele afirmou que foi levado a um novo batalhão, onde sofreu novas torturas psicológicas. Para ele, não existiam vagas suficientes para todos os profissionais, o que pode ocasionar uma emboscada para quem estaciona nas intermediações.

Ao acordar, Sansão afirma que a situação psicológica não melhorou. Isso porque diversos pensamentos confusos, que incluem percepções espirituais, começaram a aparecer na sua cabeça. Provavelmente isso ocorreu devido ao alto nível de estresse, além de um grande período sem dormir.

Após essa situação, ele foi levado para o hospital, mas, diferente do que era esperado, ele não foi bem tratado. Isso porque ele continua sendo destratado, mesmo estando em surto, quando deveria receber um tratamento diferenciado, o oposto das torturas físicas e psicológicas que vinha sofrendo.

Sargento Sansão fala sobre resgate de Gabriel Monteiro

Sansão afirma que possui uma mágoa diante de toda a situação. Isso porque ele acredita que, caso tivesse renome na instituição, ele não passaria por isso. Embora tivesse algumas reações violentas, ele acredita que não se deve tratar uma pessoa em surto da maneira como ocorreu. 

Após o surto que sofreu, Sanção mencionou o momento em que sofreu um surto, e foi resgatado por Gabriel Monteiro. Na época, o Tenente estava em revolta com a sua saída da instituição e, motivado por uma pilha de situações, chegou ao ponto de surtar completamente, no meio da rua.

Sendo assim, Gabriel Monteiro apontou que Sansão é um excelente policial, onde não apresentou nenhum problema durante sua trajetória. Negligenciado pela corporação, Sansão teve sua integridade ferida, além de ter sido ignorado no momento que mais precisava, pois estava enfrentando diversos problemas de saúde.